Uma estrela solitária com prazo de validade

Depois de logo jejum no Campeonato Carioca, o alvinegro ontem pode enfim soltar o grito entalado na garganta de campeão estadual. E a comemoração ainda foi mais saborosa pelo titulo ser conquistado sobre o atual campeão brasileiro, o Flamengo. Mas como todo alvinegro quando ganha um simples Carioca já começa a sonhar de forma exagerada, esse ano não poderia ser diferente. O próprio presidente do Botafogo  dizer que o o clube irá disputar a Libertadores 2011 é muito surreal, pra esse time competitivo porém limitado tecnicamente que conseguiu na base da aplicação tática o titulo carioca.

O grande mérito dessa conquista alvinegra se chama Joel Santana. A figuraça do futebol brasileiro, voltou e meio que contestado sobre o que poderia ser feito com esse elenco no Campeonato Carioca. Técnico bom é aquele que faz o arroz com feijão, o simples, e foi exatamente isso que o treinador fez assim que assumiu o time durante a Taça Guanabara. Deu noção tática aos jogadores, fez com que eles acreditassem que poderiam sim ser mais jogadores se aplicando, se dedicando em prol de um objetivo que seria o titulo.

E esse jeito paizão de ser de Joel acabou por conquistar os jogadores do time e mais uma vez, ele mostrou ter estrela ao descobrir dentro desse elenco, um talismã, que o ajudaria em momentos cruciais da competição, o jovem atacante Caio. Com o time melhor posicionado em campo, outros jogadores cresceram de produção como o lateral Marcelo Cordeiro e os atacantes Herrera e El "Loco" Abreu.

Mas pensando de cabeça fria, Joel deve ter a consciência do potencial desse elenco que tem em suas mãos e deve saber que o time no papel hoje brigaria "fácil" por uma vaga na Copa Sul-Americana 2011 e que sim precisa se reforçar caso perca jogadores como o uruguaio Abreu e Herrera após o Mundial da África do Sul. E a certa instabilidade dos goleiros do Botafogo ainda deve tirar o sono do treinador, pois tem jogos que são heróis e outros que são verdadeiros vilões.

Mas a realidade dessa estrela solitária, é que para ser grande não pode ter apenas uma estrela, é preciso ter um elenco de estrelas e coadjuvantes para só assim ser um time que aspire grandes conquistas. Sonhar alto é uma coisa, mas a realidade técnica neste momento é que o Botafogo ainda está atrás de outras equipes.

O mérito do Joel na conquista do Botafogo foi de ter resgatado a confiança de um time vencedor , eles passaram acreditar no titulo quando muitos riam das suas próprias pretensões. Quem acredita, sempre alcança!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: