Maracanã vai fechar e o futebol carioca até que ponto perderá com isso?

Mais uma vez o palco das grandes decisões do futebol brasileiro e mundial passará por modificações para sediar a Copa do Mundo de 2014 que será realizada no Brasil. Já ficou "fechado" para o Pan do Rio que aconteceu em 2007 e agora finalmente passará por um processo de modernização e com isso o futebol carioca ficará sem seu caldeirão e terá que jogar seus jogos em Volta Redonda e no Engenhão.

Sem o caldeirão que é o Maracanã, o futebol carioca perde em competividade?

Competividade talvez não, mas em espetáculo e renda dos clubes cariocas, isso é fato.O Flamengo deverá o grande prejudicado nesse período em que não poderá ter o estádio para acolher sua Nação. Pois o show que ela sempre faz no Maracanã é um combustível a mais pra todos os jogadores que estão no gramado usando o manto sagrado e principalmente a presença da massa gera uma grande renda que ajuda as contas do rubro-negro no decorrer do ano.

O rubro-negro aquele mais fanático já consegue imaginar ficar dois anos sem Maracanã e ter que jogar num estádio que o carioca ainda não acolheu que é o caso do Engenhão?

O Vasco tem seu caldeirão que é São Januário, talvez não sinta tanta a falta de jogar no Maracanã, pois lá os cruzmaltinos fazem valer sua devoção pelo time da colina e fazem dele um tremendo caldeirão. Mas é fato que se tratando de renda que o Vasco poderia ter jogando no Maracanã ao invés de São Januário não dá nem pra comparar.

O Botafogo tem o Engenhão e terá que ceder sua casa para atender os outros grandes do RJ como o Fluminense que também sofrerá sem o Maracanã como o palco para o time de guerreiros usarem a camisa tricolor.

Mas nada se compara a magia que tem esse estádio, que já foi palco de Hexacampeonato Brasileiro do Clube de Regatas do Flamengo, Rock in Rio, final da Copa do Mundo de 1950, final de Libertadores e final de Mundial Interclubes da Fifa.

Sem Maracanã e buscando ter a mesma renda, o torcedor carioca pagará o pato?

Infelizmente deve ser essa a realidade. O torcedor carioca que é um dos mais apaixonados por ir aos estádios como também são os nordestinos deve sentir no bolso, o fechamento do Maracanã neste período. Para a conservação e a manutenção de jogos a serem realizados tanto no Engenhão ou no Estádio Raulino de Oliveira, os clubes deverão aumentar esses valores em até 50 % aos valores hoje cobrados.

Tudo com aquela justificativa de manterem os acordos firmados com os jogadores, ter uma equipe competitiva e acabam esquecendo que o torcedor nem sempre tem o salário pra pagar uma fortuna para assistir um jogo de um Carioca, Copa do Brasil ou uma Taça Libertadores.

Ai surge o papo de quem não pode ir em todos os jogos tem que priorizar uma determinada competição na qual "o clube" ou a " mídia" apresenta como mais importante! Mas convenhamos tem como priorizar a paixão do carioca pelo futebol, a tal ponto de dizer pra ele que o melhor é escolher jogo tal pois é o mais importante ou que a presença dele é fundamental mais na Libertadores ou Carioca.

Antes de tudo o torcedor tem que ser visto como um consumidor em potencial sempre e por isso merece respeito daqueles que administram qualquer clube no nosso futebol. O que deveriam refletir é como ganhar cada vez mais e explorar esse consumidor que quer consumir futebol cada dia mais. Não adianta querer vender um pacote que no fundo não tem grandes atrativos, o futebol brasileiro tem que tratar mais o simples jogo de futebol como uma indústria de entretenimento e diria até espetáculo. Para quem sabe assim evoluirmos no que se diz a marketing e investimentos junto com sua torcida.

Engenhão, casa do futebol carioca até a reabertura do Maracanã

Querendo ser otimista, tomara que a torcida "carioca" adote e passe a viver o Engenhão como um estádio legal de acompanhar seu time e que se torne mais um bom palco para os jogadores mostrarem sua habilidades e sua raça. Esse otimismo é mais acreditando que isso de fato não deverá acontecer.

O Engenhão localizado no Engenho de Dentro é um estádio que tem uma boa capacidade de publico, mas situado numa região com ruas estreitas e perigoso de se frequentar em horários inoportunos como jogos realizados as 21:45. Por que o torcedor que mora no RJ não vai a este estádio quando o Flamengo, Vasco, Botafogo ou Fluminense jogam neste horário citado acima?

Medo da violência das vias de acesso? Localização ruim ? Não adotou o Engenhão como palco do futebol do Rio?

É meus amigos, o Engenhão vai ter que entrar no gosto cultural do carioca nos próximos anos, mesmo que isso seja na marra. E já fica a expectativa do novo Maracanã que está pra surgir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: