Torcida, o décimo segundo jogador, até que ponto ela faz a diferença?

A maior torcida do Brasil, a NAÇÃO se gaba ao dizer que treme o Maracanã com sua festa ou em outras partes do país quando o rubro-negro atua fora de casa, mas até que ponto ela faz realmente a diferença? Torcedor por sim só, não importa a quantidade, já nao deveria ser valorizada pelos jogadores que vão a campo?

Seja qualquer torcida, elas realmente fazem um belo espetáculo nos estádios, mas até que ponto vai a paixão e a cobrança que deveria existir na politica dos clubes cobrando uma maior transparência e profissionalismo. O torcedor brasileiro se acomodou em apenas torcer, isso que importa, a gestão do seu clube é o segundo plano. O importante é tomar aquela cerveja geladinha e vibrar com o gol do craque do seu time.

Fazer a diferença no que diz ao incentivo ao seu time, isso pode até ocorrer. Mas já passou da hora de conscientização das torcidas em prol de um futebol brasileiro mais organizado e que o torcedor seja tratado de fato com mais respeito por quem organiza os campeonatos do país.

A diferença podemos fazer até nas arquibancadas, mas mesmo que somente vá uma pessoa ao estádio, apenas um já será e deveria ser suficiente pra que um time demonstre RAÇA em campo. O time é formado por 11 jogadores, nem sempre o décimo segundo jogador, está inspirada e motiva a apoiar-lo, então a diferença em campo quem faz de FATO é somente o time.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: